Whey Protein: Sim ou Não?

whey-proteinQuem nunca se questionou se deveria ou não se suplementar com a tão falado Whey Protein? Bom, quando se fala em suplementação devemos levar em conta a necessidade individual de cada ser humano, e com a Whey não é diferente. Para quem não conhece, a whey nada mais é que uma proteína do soro do leite, rica em BCAAS que são aminoácidos ramificados considerados essenciais (sendo eles: valina, isoleucina e leucina) que estimulam uma maior síntese proteica, resultando assim em uma intensa construção muscular, como foi identificado no estudo realizado por Rogero e Tirapegui (2007); podendo ser rica ou não em carboidratos e que pode ser utilizada para muitos efeitos e não só aqueles interligados com a hipertrofia.

Ele pode ser utilizado desde o público infantil até os idosos, devido a sua característica de ser um suplemento que possui inúmeros benefícios como: manter o controle de ingestão diária em pessoas com falta de apetite, como na caquexia; ajudar na melhora da desnutrição energético proteica, que acomete principalmente crianças e também idosos; melhora o sistema imunológico (por isso é utilizada por aidéticos como foi confirmado no estudo de SGARBIERI,2004 ) e além de tudo, ajuda na hipertrofia muscular, pois, repara o músculo após lesão ocasionada pelo treino, ajudando assim na manutenção da massa magra e aumento na eliminação da massa gorda como foi confirmado através de uma metanálise publicada pelo Journal of the American College of Nutrition.

Mas, para obter todos esses resultados sem comprometer os órgãos do corpo nem gerar um acúmulo de gordura (proteína em excesso vira gordura), cada individuo deve procurar um profissional capacitado que é o Nutricionista, o qual vai realizar exames prévios para identificar se você já tem alguma lesão renal que implique no consumo de proteína, caso esteja tudo ok, ele realizará um cálculo para estimar a quantidade em gramas de proteína diária que cada um pode ingerir.

Além da quantidade estimada, o profissional vai poder indicar o melhor tipo de Whey para o paciente, já que existem no mercado os hidrolisados, isolados e concentrados. Então não fique com receio de se suplementar com Whey Protein, ele pode ser um grande amigo e aliado na busca pelo corpo ideal, mas lembre-se: Só consuma algum tipo de suplemento quando este, for indicado por um Nutricionista!

Comentários

Comentários

Compartilhe através do: